Page 8 - SIM 246
P. 8

NAMORAR PORTUGAL


            FEVEREIRO, MÊS DO ROMANCE: MAIS DE


            100 INICIATIVAS COM MUITO AMOR
            V             ila Verde é a terra onde o amor                               sável  por incitar  a criatividade,  dinamizar  a eco-



                                                                                        nomia, promover a cultura e preservar a tradição.
                          acontece  e  se  celebra  diaria-
                                                                                        Este ano, o ‘Mês do Romance’ será palco do lan-
                          mente durante ‘Fevereiro, Mês
                          do  Romance’.  Em  pleno  co-
                                                                                        çamento de 33 novas linhas de produtos, ativida-
                          ração  do Minho,  mais  de  100
                          iniciativas  dão  corpo  a uma
                                                                                        Delicie-se com os Sabores do Romance
                          programação  fortemente  ins-                                 des em vários pontos do país e uma em Espanha.
             pirada  nos  motivos  dos  Lenços  de  Namorados.                          O ponto alto e evento de maior dimensão é a Gala
             Ao longo de 37 dias consecutivos, até 1 de março,                          Namorar Portugal, a 14 de fevereiro, a noite de S.
             o concelho recebe desfiles de moda, workshops,                             Valentim mais romântica do país, repleta de gla-
             espetáculos culturais, atividades desportivas e de                         mour,  elegância  e  sentimento.  Numa  passerelle
             natureza, saraus e lançamento de novos produtos                            em  que tradição  e modernidade  caminham  de
             da marca Namorar Portugal, entre outros. Amor,                             mãos dadas, vão desfilar modelos de renome com
             cultura,  tradição,  inovação  e  empreendedoris-                          as propostas dos candidatos ao XVII Concurso In-
             mo  são  as  palavras de ordem  de um programa   Vereadora da Cultura, Júlia Fernandes, apresen-  ternacional de Criadores de Moda. Para além de
             que promete divulgar os encantos de Vila Verde,   tou o programa  e destacou  alguns  dos  eventos   cinco  semanas  temáticas,  ações  promocionais  e
             através de uma agenda diversificada e capaz de   principais  de  uma  agenda  rica  e diversificada,   exposições,  os  visitantes  vão  poder  desfrutar  da
             colocar o nome do concelho nas rotas do turismo,   com opções para todos os gostos. Começou por   beleza das paisagens naturais, de um património
             como  frisou  o  Presidente  do  Município  de  Vila   enaltecer  a  importância  dos  parceiros  (mais  de   cultural  rico,  de  sabores  de  gastronomia  tipica-
             Verde, António Vilela. O edil salientou ainda que   uma  centena),  afirmando  que  “o  amor  que  eles   mente minhota e da  calorosa  hospitalidade  tão
             a iniciativa impulsiona a “valorização do potencial   colocam nas iniciativas enriquece toda a progra-  característica  da  região.  Restaurantes,  bares  e
             das  gentes  da  terra,  dos  jovens  e das  empresas   mação,  bem como o próprio  público que sente   espaços  de alojamento  estão  prontos  para  aco-
             e  é  uma  excelente  forma  de  despertar  talentos   Namorar Portugal na pele e faz Vila Verde vestir   lher os visitantes com a iniciativa Sabores do Ro-
             nas artes e nos negócios”. O número de parcei-  as cores do amor”.         mance, que vai dar direito a descontos especiais,
             ros  e atividades  continua  a crescer  de  ano  para   E é disso mesmo que se faz a marca territorial do   condições vantajosas e decorações alusivas, para
             ano, o que “releva a importância do Mês do Ro-  Município de Vila Verde, Namorar Portugal, que,   que esta seja uma viagem inesquecível em todos
             mance como forma de valorizar o turismo de Vila   juntamente com dezenas de parceiros, é respon-  os sentidos.
             Verde e combater a sazonalidade”. Por sua vez, a




            VILA VERDE JÁ COMEÇOU

            A CELEBRAR O AMOR!
            A           rrancou  a programação  turís-                                  dos alunos”. O projeto ‘Doce Som do Sucesso’, im-



                        tico-cultural  mais  romântica
                                                                                        plementado em todos os agrupamentos (música,
                                                                                        robótica, tutorias…), já tem dado frutos e visa com-
                        do  país,  em  Vila  Verde,  a  terra
                        onde  o amor  acontece!  Dois
                                                                                        bater o insucesso escolar, enquanto dá a oportu-
                        workshops  (Gesso  Perfuma-
                                                                                        petências, no entanto, nem todos os participantes
                        do  e  Brincando  com  o  Feltro)
                                                                                        no concerto de ontem estão incluídos no projeto.
                        e  um espetáculo  de  música  ao                                nidade aos jovens de desenvolverem novas com-
             vivo (Doce Som do Sucesso) marcaram o primei-
             ro o fim-de-semana, 25 e 26 de janeiro, do ‘Mês                            Brincando com o Feltro
             do Romance’. Na tarde de sábado, 25 de janeiro,                            Na manhã de domingo, o amor voltou ao Espaço
             casa  cheia no  Espaço  Namorar  Portugal  para  o                         Namorar  Portugal com  um novo  workshop  que
             Workshop de Gesso Perfumado. Pássaros, flores,                             pôs  à prova  o talento e criatividade dos  partici-
             corações…  um sem fim de figuras  amorosas  ga-                            pantes.  ‘Brincando com  o  Feltro’,  dirigido  com
             nharam  ainda  mais  encanto  e  novas  fragrâncias                        mestria por Marta Chambel, mostrou que a ima-
             durante a sessão  dirigida  pela  talentosa  Raquel   sica como “forma de educar para a sociedade e   ginação não tem limites e que com este material
             Araújo.  A parceira Namorar  Portugal  partilhou   educar cada um na sua forma de estar e de ser”.   é possível fazer trabalhos verdadeiramente incrí-
             os segredos e truques por trás das suas criações   Por sua vez, o presidente do AEVV, Alberto Rodri-  veis. Das crianças aos mais crescidos, a iniciativa
             numa iniciativa que fez as delícias dos participan-  gues, disse que “o que vimos aqui foi fantástico, há   contou com participantes de várias faixas etárias,
             tes. À noite, os jovens talentos mostraram todo o   transformações que só quem acompanha no dia-  até porque não há limite de idade para brincar e
             seu potencial no concerto ‘Doce Som do Sucesso’.   -a-dia percebe”. A vereadora da Cultura do Muni-  criar. Munidos  de  tesoura,  agulha  e linha,  foram
             que embalou a imensa plateia presente no Centro   cípio de Vila Verde também marcou presença no   cortando  e  cosendo  até  ao  resultado  final,  en-
             de Artes e Cultura de Vila Verde. O evento foi pro-  evento. Júlia Fernandes sublinhou a importância   cantadores  trabalhos  inspirados  nos  Lenços  de
             movido pela Academia de Música (AMVV) e pelo   desta  iniciativa,  capaz  de  transformar  de  forma   Namorados. A programação segue ao longo das
             Agrupamento de Escolas de Vila Verde (AEVV),   brilhante as capacidades das crianças. Elogiou o   próximas semanas. Vila Verde promete tocar nos
             com  a  colaboração  do  Município  de  Vila  Verde.   trabalho desenvolvido pela organização e desta-  corações dos portugueses com um leque de di-
             Num  serão  com  muita  música,  amor  e  ternura,   cou o “papel fundamental das famílias para incen-  versificado de atividades inseridas na programa-
             protagonizado  pelos  artistas  de palmo  e meio,   tivarem a aprendizagem musical como forma de   ção ‘Fevereiro, Mês do Romance’.
             Júlio Dias, presidente da AMVV, enalteceu a mú-  enriquecimento pessoal  e crescimento artístico


            08 · FEVEREIRO · 2020
   3   4   5   6   7   8   9   10   11   12   13